Rumo à vitória: Carta Compromisso de Lula oficializa Haddad candidato do PT à Presidência da República

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva assinou a “carta compromisso com o povo brasileiro”, lida durante solenidade que oficializou Fernando Haddad como substituto de Lula na cabeça de chapa da coligação Povo Feliz de Novo, com Manuela D’Ávila (PCdoB) como vice.

Após a impugnação da candidatura do presidente Lula pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em uma grave demonstração de arbitrariedade da justiça, o Partido dos Trabalhadores oficializou a candidatura de Haddad em frente à sede da Polícia Federal de Curitiba, onde Lula está preso injustamente. Preso político, Lula é vítima de perseguição por parte da elite brasileira e das forças econômicas, que querem impedir que o nosso projeto de igualdade e justiça social avance.

“Eu sei que um dia a verdadeira Justiça será feita e será reconhecida minha inocência. E nesse dia estarei junto com Haddad para fazer o governo do povo”, diz um trecho do documento. Mesmo diante de injustiças incontornáveis e do silêncio do STF, Lula e o Partido dos Trabalhadores optaram por respeitar o prazo imposto pelo TSE.

Daqui para frente, Fernando Haddad e Manuela D’Àvila andarão pelo país levando a mensagem de Lula e do 13 como candidatos a presidente e vice, respectivamente. Coube à presidenta nacional do partido Gleisi Hoffmann apresentar a decisão de Lula e a posição do partido, sem jamais deixar de lado a indignação.

“Hoje é um derradeiro, um dia determinado pela Justiça. Mas não é um dia de derrota. Mas dor, indignação e revolta, que são o fermento da nossa luta. E é desse fermento que aceitamos o desafio do presidente Lula, de não deixar o povo brasileiro sem alternativas”, disse.

ONU reitera direitos políticos de Lula

Na segunda-feira, 10, o Comitê de Direitos Humanos da ONU (Organização das Nações Unidas) realizou uma nova manifestação reafirmando a obrigação do Estado brasileiro garantir a candidatura do presidente Lula à presidência. O documento de três páginas responde a um pedido da defesa do presidente. Mesmo o documento sendo obrigatório e vinculante, todas as esferas do governo estão submetidas aos tratados internacionais assinados pelo Brasil quando se tornou membro da organização.

Brasília
Praça dos Três Poderes Câmara dos Deputados
Gabinete: 837 - Anexo: IV
Brasília/DF
CEP: 70160-900
Telefone: 61 3215-5837

Osasco
Escritório Político - Rua General Bittencourt, 170
Centro - Osasco/SP
CEP: 06016-040
Telefone: 11 3685-2164

dep.valmirprascidelli@camara.leg.br